Páginas

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

O trem das ilusões...


Passa a vida, passa o mundo
Se apaga a luz, o amor se acaba
Parece que estou vendo um filme
O coração amargurado, degradado
 E nada... Nada alivia a dor
Dor de acompanhar pela janela da alma
O adormecer do amor
De cabeça cheia e coração vazio
Fecho os olhos e retorno ao passado
Onde estive à deriva de um mar de rosas
Vivendo o êxtase da felicidade...
Desperto ao sacolejar do trem
E encontro bem a minha frente
O caminho para o martírio
Um chão de espinhos no mar de rosas
Utopia e realidade...
Realidade e utopia se confundem
E sigo eu a caminhar
O remédio para a dor é a ilusão
De que na próxima parada do trem
Você me estenda a mão...
E não me deixe sozinha
Para seguir a viagem.
(Anna Lúcia)

13 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Vc não está só nessa viagem...

beijooo.

AC disse...

O amor precisa de sinais, e sinais convincentes...

Beijo :)

Flor da Vida disse...

É amiga, as vezes mesmo estando rodeadas de gente, nos sentimos tão sozinhas nessa longa viajem da vida... Lindo o teu poema! Carinhos meus a ti... Bjsss

don vito disse...

Hola, bello blog, preciosas entradas, te encontré en un blog común, si te gusta la poesía te invito al mio,será un placer,es,
http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com/
muchas gracias, pasa buena tarde de jueves, besos.

Beatriz Prestes disse...

Solidão que às vezes nos causa reencontros maravilhosos com a própria alma!! E dão frutos perfeitos como seu poema lindo!!
Aplausos minha amiga!
Que poesias lindas você tem!
Beijo com carinho
Bea

Everson Russo disse...

Nessa viagem de amor nunca é bom estar sozinhos,,sempre legal ter uma alma serena ao lado,,,grande beijo de lindo final de semana pra ti.

KaRoL ScAnDiu disse...

Oi Anna:D

Meu nome eh Karol y acabo de conchecer seu blog:D
Disculpe a ortografia, faz tanto tempo que vivo na España que as vezes erro al escrever en portugues, jaja:D

Te sigo y te afiliei no meu blog:D
Pasa por alí cuando vc quiser,
Beijos querida:_D

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

O que mais sonhamos na vida,
é alguém que
nos ajude a sentir
a essência da vida.
Partilha, companheirismo,
amor...
Nos fazer plenos
e nos devolver sentidos.

Alegrias plenas para ti.

Recanto dos Amigos disse...

"O remédio para a dor é a ilusão
De que na próxima parada do trem
Você me estenda a mão...
**********
E é essa espera que nos machuca a alma e o coração..
espera que não termina... quem de tanto doer ja nos fez acostumar.. e essa ausencia que espreme o peito..

Lindo..
doído...
sangrando
mas ainda
Amando ..

beijos minha "Rainha"

Daniel Costa disse...

Anna

É facto que o melhor remédio para a dor é a ilusão. Poém de ilusão também se vive, há casos em que, por pura necessidade, é conveniente esperar nesse estado, porque meres tempos virão.

Quando à perigosidade a MADALENA, perdeu um filho na violência do Rio.
Beijos

Maria disse...

Amiga que poema tão triste, mas tão intenso e lindo que toca a alma de quem lê.
Por muito dificil que o dia de hoje seja, nunca perca a esperança no dia de amanhã.
Bom fim-de-semana
Beijinhos
Maria

A.S. disse...

ANNA,

Entro no teu mundo de palavras, emoções, afectos e nele viajo... com prazer!!! Puro fascinio!

Beijosss
AL

Carlos André disse...

é o que sempre digo...estar acompanhado é a melhor opção!Não sei ficar sozinho.