Páginas

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Eu vejo o amor

Eu vejo o amor...
No colorido todo especial que tem a vida
No sorriso inocente da criança que brinca feliz
Nas doces palavras de carinho sussurradas ao ouvido
Nos poemas escritos com a voz do coração,
Que trazem um novo colorido à vida.

Eu vejo o amor...
Nas verdades que me dizes algumas vezes
Sem medo de ferir-me ou para evitar sofrimento.
Pois dizer a verdade, acredito que não seja magoar
Magoar é negar a verdade, por medo de ferir...

Eu vejo o amor...
Com os olhos do meu e do teu coração...
Nos recados dados através das canções que ouvimos
Na saudade que dói com tua ausência
No pulsar acelerado do meu coração ao te encontrar
No brilho que reluz em teus olhos ao me tocar...

Eu vejo o amor...
Nas mãos que me afagam me enchendo de carinhos
No calor dos teus braços que me fazem esquecer o tempo
Quando escreves teu nome no céu de minha boca com tua língua
No teu desejo inquieto, que dá origuem ao meu
Quando teu corpo cola no meu, partilhando carícias...

Assim vejo você...
Tal como vejo o amor, vejo você
Com a beleza cintilante de um beija-flor
Com sua leveza, ligeireza e agilidade encantadoras
Que repousa no colorido e perfume natural da flor
De onde retiras o néctar para viver
Vem e vai tão de repente
Parece acompanhar o Sol
Avança e retira-se no teu ágil bailado
Embalado pelo vento que me leva junto
E eu aqui, uma flor esperando teu beijo e invasão
Sou apenas a esmeralda que cintila em tua roupagem
Pois és tu a mais perfeita tradução do amor
És tu a própria essência do amor.
(By Anna Lúcia)

22 comentários:

Daniel Costa disse...

Anna

Que poema, que primor! "Tal como vejo o amor, vejo você / Como a beleza centilante de um beija- flor".
Todo, mas esta possagem em especial, achei sublime. Um magnifico poema, em suma.
Beijos

Flor da Vida disse...

Amiga, profundamente belo o seu poema, beira o divino! Aplausos a ti linda poetisa!!! Deixo carinhos pra você... Bjsss

AC disse...

O amor, eterna inspiração...
Muito belo!

Beijo :)

Olhos de mel disse...

Oie minha amiga, que declaração, heim? Eu também só acredito no amor, se for intenso...
Lindo poema!
Boa semana! Beijos

O Árabe disse...

Bela mensagem Anna; a lembrar-nos que é sempre preciso ver o Amor. :) Boa semana!

Pena disse...

Linda e Simpática Amiga:
"...Eu vejo o amor...
Com os olhos do meu e do teu coração...
Nos recados dados através das canções que ouvimos
Na saudade que dói com tua ausência
No pulsar acelerado do meu coração ao te encontrar
No brilho que reluz em teus olhos ao me tocar..."

Um lindo e doce poema de amor com a sua assinatura de ternura.
Excelente em tempo de Natal.
MUITO OBRIGADO pela sua amizade extraordinária no meu blogue que adorei.
Bem-Haja.
Abraço amigo.
Maravilhoso Natal em família.
Com respeito. Sempre! E admiração constante.

pena

Linda!
Perfeita.
Parabéns pelo Ser Humano enorme e gigantesco que é.
Fico-lhe grato.

Mario Neves disse...

Oi Anna! Agora sim consigo comentar. Tenho ido lá no Fascinius.Nem sei se tem lido as mensagens lá.Acho que retomamos o comtato.Feliz início de semana!Que este dia da graça do Senhor, esta segunda feira unida aos seus demais irmãos da semana sejam bordados em momentos de felicidade e alegria. Formando uma semana feliz, a penúltima semana que antecede o Natal, e que seja ela também de reflexão e preparação para um Santo e Feliz Natal. Saudaç~pes Natalinas - Mario Neves.

José Vitor disse...

Ana, como vai a minha mais nova amiga?
Quantas formas gostosa e doce de ver o amor: vê-lo no colorido, no sorriso, nas brincadeiras inocentes,
nas verdades, nas canções, no livro que escreve em minha boca.
esta poesia é uma esmeralda,
é nela que tudo acontece
e a tradução do amor aparece.

Beijos!...

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

O amor está escrito
com as mais belas palavras,
no olhar,
no corpo,
no silêncio,
nas palavras,
de quem amamos,
e que nos retribui este amor.


Que as luzes da esperança
brilhem sempre em ti.

Retalhos da Sol disse...

Anna,
Eu vejo o Amor
Nas visitas que recebo e nas palavras carinhosas ofertadas!
Agradecendo e retribuíndo a sua visita.
Encantada com teus Fragmentos, perfumam a alma!!!!

Voltarei mais vezes.
Bjosss enSOLarados!

Machado de Carlos disse...

Que bela contemplação a um grande amor! O amor é assim mesmo; é sinal de vida e contentamento. O amor é nosso clima como se fosse o clima que abrange o Universo Infinito. Curvo-me para você que ama tanto. Que coloca em cada palavra este sentimento genuíno!
Parabéns para você e para o seu grande Amor!

Everson Russo disse...

O gostoso dessa vida, alem dos versos, é ver o amor na pessoa desejada,,,ver todo esse carinho explodir...beijos de lindo dia pra ti querida.

Uni ver sos disse...

Olá Anna!

Quero agradecer pela amável visita em meu blog! Retribuo com a mesma intensidade, feliz de encontrá-la na caminhada, vejo que aqui também a atmosfera é de amor e fraternidade,
que possamos nos unir e levarmos luz e sementes do bem por onde passarmos!

Um grande e fraterno abraço..

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Anna!

Obrigado pela visita ao meu cantinho, e ainda mais pelas bonitas palavras lá deixadas - que me deram muito prazer ler.
E aqui chegado, já de cai não saio sem me fazer seu seguidor, com muito gosto.

Éstá lindo e inspirado o poema sobre o amor, e as muitas maneiras dele se manifestar, de o sentirmos, e fazermos sentir; uma bonita dedicatória à pessoa amada.

beijinhos.
Vitor

http://vitorchuvashortstories.wordpress.com/

† Dandara † disse...

Olá. Anna vim dar-lhes os parabéns pelos seus posts;* e lhe agradecer
pelo carinho que tens comigo!

Coloquei seu banner em meu cantinho *_*


bjos!

A.S. disse...

Anna,

Belissimo poema de amor!...

Beijos!
AL

Renato Baptista disse...

Mais um ano cheio de poesia
Algumas tristezas, muitas alegrias
Versos e prosas encantando nossas vidas
E a certeza de que as amizades preciosas
Elevam a alma, erguem o nosso dia a dia.

Que o Natal seja lindo para você e os seus
E que 2011 seja um ano de muita Paz, Saúde e Felicidade.

Agradeço profundamente pelo companheirismo
e pelo constante apoio e carinho para com as minhas letras.

Feliz Natal e Um Super 2011 para você.

Renato Baptista

Janaina Cruz disse...

Lindo Anna, lindo teu post falando de amor, o amor nos trás uma beleza de luzes, que não há escuridão que não feneça.
Um barco minha querida...

Pelos caminhos da vida. disse...

Belissíma mensagem amiga.

Já estou bem melhor, a dor graças a Deus passou, mas foi brava, hoje estou aproveitando para visitar os amigos, ah... como senti saudades de vcs, de seus cantinhos, como me faz bem estar aqui de volta com pessoas que só me fazem bem, meu muito obrigada amiga pelo seu carinho, pela sua presença mesmo enqto estive ausente, vcs não imaginam o bem que me fazem, amo todos vcs.

Um gde abraço.

beijooo.

José Vitor disse...

Anna, Volto no teu blog para dizer saudade!!
Fora alegria que deste de sermos amigos, gostaria de reencontrar tuas palavras, estou afoito; faço postagem a qualquer hora, mesmo sabendo que perco comentários, mas o teu é importantíssimoos, se possível!

Ao abrir teu blog, não deixo de ler as palavras escritas no teu perfil, considero tua apresentação uma das mais bonitas

Amapola disse...

Nossa...
Eu vejo amor nos seus poemas!
Eu sinto amor no seu blog.

Um grande abraço.

Regina disse...

Parabéns pelo seu trabalho...vc é uma grande poetiza